E.Leclerc vai abrir na Cidade de Penafiel

Cidade de Penafiel continua em franca evolução e a captar investimento! 
E.Leclerc deverá criar novos postos de trabalho

A cadeia de hipermercados E.Leclerc vai abrir  na Cidade de Penafiel.
A superficie comercial ficará situada ao lado da Decathlon, junto à variante do Cavalum, próxima das Escolas D.António Ferreira Gomes e Secundária de Penafiel, e do Santuário do Sameiro.
No local já decorrem as obras de construção, com preparação do terreno para o espaço comercial e para uma nova rotunda na variante que permita acesso e melhoria da circulação automóvel naquela zona da Cidade que está em forte desenvolvimento.
Para mais informações- http://www.e-leclerc.pt/
O Blog estará atento e mal tenha conhecimento sobre possível recrutamento, será anunciado.

Pequena apresentação do E.Leclerc:

"Mais de 50 anos depois, a vocação continua a mesma. Os consumidores, os empreendedores, os colaboradores estão no coração do movimento E.Leclerc. A luta de E. Leclerc teve sempre o mesmo objectivo. Democratizar o consumo, permitindo ao maior número de pessoas aceder aos bens correntes, bem como a produtos distribuídos em circuitos fechados. “Comprar o mais barato possível para vender o mais barato possível”. A fórmula de Édouard Leclerc é o conceito fundador do movimento. Um conceito que tem sido posto em prática graças à aplicação de regras simples, comprar directamente aos produtores e evitar, tanto quanto possível, os intermediários, diversificando as fontes de aprovisionamento, tanto no que concerne aos grandes grupos como às PME locais, praticando margens reduzidas.

A prática desta política de preços baixos permite levar a marca a bater-se, obstinadamente, em todas as esferas, política, jurídica e mediaticamente, há mais de 50 anos. A acessibilidade aos produtos depende também da informação. Dar aos consumidores uma melhor perspectiva sobre o universo do consumo, da sua evolução e inovações é o objectivo de comunicação da marca. As campanhas de sensibilização lançadas antes da introdução do euro são exemplo da atenção dada ao consumidor. Antes de 1996, os franceses não sabiam nada da nova moeda, quando E. Leclerc lança a primeira operação nacional de aprendizagem do euro, em parceria com a Comissão Europeia. Os consumidores puderam assim encontrar nas lojas, pela primeira vez, os preços expressos em euros e organizar as suas compras com euros simulados."

Comentários

Anónimo disse…
também já ouvi dizer que ia abrir o Leroy Merlin
Anónimo disse…
E também se falou na primark. Isso sim era chapada de luva branca aos velhos do Restelo que impediram a entrada do grupo inditex na cidade. Provaram que não sabem gerir negócios e inviabilizar amigos lojas âncora na cidade que permitiriam que mais gente frequentasse as ruas e por consequência também o comércio tradicional.
Anónimo disse…
E também se falou na primark. Isso sim era chapada de luva branca aos velhos do Restelo que impediram a entrada do grupo inditex na cidade. Provaram que não sabem gerir negócios e inviabilizaram lojas âncora na cidade que permitiriam que mais gente frequentasse as ruas e por consequência também o comércio tradicional.